top of page

A VIDA ONLINE

Se o ataque às torres gêmeas marcou o fim do século XX (embora, SIM, tenha ocorrido no início do século XXI), a pandemia do Covid-19 nos enfiou de vez no que parece ser o padrão do que ditará o resto do século XXI.

Não dá pra saber exatamente como vai ser, mas dá pra ter certeza de uma coisa: será ONLINE.

Então, no momento em que nos preparamos para assumir, talvez em caráter definitivo, as mudanças de hábitos que até então eram uma opção, conheça FILMES E SÉRIES imperdíveis que exploraram com brilhantismo as possibilidades da VIDA ONLINE, começando pelos mais recentes.

UPLOAD (Upload – Comédia/Ficção Científica – 2019)

Já imaginou se ao invés de morrer você pudesse fazer UPLOAD? O roteirista Greg Daniels, que já trabalhou em “The Office” e “Os Simpsons”, já. E agora nos brinda com a mais sagaz e engraçada visão da vida online produzida até agora.

A série se passa num futuro próximo, onde as pessoas à beira da morte podem aderir a um serviço que as permite viver eternamente online. Embora seja engraçadíssima, “Upload” aborda e questiona diversos aspectos sociais relacionados à nossa relação com as redes virtuais. Então, se você ainda não assinou Amazon Prime Vídeo corra assinar, porque essa série vale muito a pena.


Nesta série da Amazon Prime, quem não tem grana morre.

Quem tem, faz upload pra viver pra sempre.

Imagina o gasto com o combo de internet?



BLACK MIRROR (Black Mirror – Ficção Científica – 2011)

Em formato de antologia, este clássico instantâneo da TV aborda muitos temas, sempre relacionados á nossa relação de dependência com a tecnologia. Cada episódio mostra uma estória diferente, e geralmente se passam em um presente alternativo ou em um futuro próximo. A série

foi transmitida pela primeira vez na emissora Channel 4, no Reino Unido, em dezembro de 2011. Em setembro de 2015, a Netflix comprou a série, encomendando mais duas temporadas posteriores e transformando-a num fenômeno mundial.

Em conjunto, no quesito inteligência, Black Mirror supera todas as expectativas, seja falando de redes sociais, relações virtuais, tecnologia punitiva, games, influência da tecnologia na política ou qualquer outra coisa. Originou até a expressão “isso é muito black mirror”, pra situações assustadoras provocadas pela tecnologia.

Se já viu, reveja. Se não viu... peraí, em que planeta você estava??


O QUINTO PODER (The Fifth State – Thriller/Drama – 2013)

Este filme conta a história da fundação do WikiLeaks por Julian Assange, e seu colega Daniel Domscheit-Berg. De acordo com Julian Assange, o filme foi feito para denegrir a imagem do Wikileaks. No entanto, o longa narra o ponto de vista de pessoas que conviveram com ele e desmistificam a imagem heróica do jornalista.

O Wikileaks não escondeu a alegria pelo fracasso de bilheteria do filme, que retrata a história real da organização sem fins lucrativos que publica arquivos de fontes anônimas vazadas de governos e grandes empresas. Assim como em “A Rede Social”, o retrato pareceu inconveniente aos retratados, apesar das ótimas interpretações de Benedict Cumberbatch e Daniel Brühl.



Tanto o Twitter quanto o WikiLeaks foram criados em 2006, cresceram juntos e tem exercido grande influência na vida política dos EUA e de muitos outros países, entre eles o Brasil. Julian Assange foi perseguido pelos EUA e viveu de 2012 a 2019 como exilado político, morando dentro da embaixada do Equador em Londres. Em 2019 a polícia de Londres invadiu a Embaixada e o prendeu de vez.

2003 – um estudante de Harvard e gênio da computação começa a trabalhar em um projeto que acaba se transformando na maior rede social do mundo: O FACEBOOK.

“A questão não é o que queremos saber sobre as pessoas, é o que as pessoas querem nos contar sobre elas mesmas”

- Mark Zuckerberg -


A REDE SOCIAL (The Social Network - Drama - 2010)

O diretor David Fincher, famoso por filmes como “Seven” e “Clube da Luta”; e séries como “House

of Cards”, realizou este drama biográfico sobre o criador (Mark Zuckerberg) e sua criatura: o Facebook. Embora não esteja entre as melhores obras do cineasta, vale como bom filme sobre a complexidade das relações humanas e a origem desconhecida e nada nobre da rede social criada por Zuckerberg.

Fez bonito nas bilheteria e foi indicado a 8 Oscars.

1998 – A GOOGLE surge de dentro de uma garagem para mudar de vez o mundo. Fundada em 04 de setembro de 1998, é constituída com base em um projeto de pesquisa de Larry Page, americano, e Sergey Brin, filho de russos radicado nos EUA, ambos eram estudantes de doutorado na Universidade Stanford, na Califórnia, Estados Unidos.


MATRIX (The Matrix – Ficção Científica - 1999)

“Matrix” foi um dos primeiros filmes a explorar o mundo digital e os algoritmos, contando a estória

de um hacker de codinome “Neo” que descobre que o mundo não passa de uma simulação virtual.

Um dos roteiros mais empolgantes da história da ficção científica, juntou referências como a Alegoria da Caverna de Platão, Simulacros e Simulação de Jean Baudrillard e Alice no País das Maravilhas de Lewis Carroll; numa narrativa claramente inspirada no “Mito do Herói”, de Joseph Campbell, uma “bíblia” do Storytelling.

De quebra, revolucionou os efeitos especiais (um dos 4 Oscars que venceu), foi o maior sucesso da Warner Bros e deu origem a uma trilogia e uma cultuada série de animação. Filme pra fazer pensar sem nunca abandonar a diversão e rever 20 vezes sempre descobrindo algo novo.

É impressionante imaginar que o filme foi lançado após apenas 1 ano da fundação da Google e que seus criadores já exploravam até conceitos muito posteriores, como os “Aplicativos”.

Um clássico absoluto que influenciou gerações de cinéfilos e cineastas e que já iniciou a filmagem do seu quarto capítulo, que deve estrear em 2021.


E você, concorda com a lista ou acha que faltou algum filme ou série?

Fique ligado que a próxima vai ser de DOCUMENTÁRIOS sobre a internet, e aposto que tem muita coisa legal que você ainda não viu!

Até breve!











43 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page